Quais as consequências para uma ADI em que o próprio autor do pedido reconhece sua constitucionalidade?

0 votos
perguntado em 26 de Julho de 2016 em Direito Constitucional por Vitor de Sá Novato (0 pontos)  
O Procurador-Geral da República ajuizou  ADI 5249 a fim de questionar disposições acerca das promoções de praças ao oficialato no Distrito Federal previsto na Lei 12.086/2009 e no Decreto 32.244/2011. Durante sua tramitação, houve manifestações de diversos Órgãos, AGU, Congresso, posicionando-se favoráveis à citada promoção.
Após isso, o senhor Procurador-Geral, em nova petição, apresentando argumentos contrários a seu próprio posicionamento inicial, opina pela improcedência da Ação.
Assim gostaria de saber o que acontece com essa ADI se o próprio autor reconheceu a sua Constitucionalidade?
Qual o nome desse ato do Sr. PGR, essa contradição tem nome no âmbito jurídico?

Entre em sua conta ou cadastre-se para responder a esta pergunta.

Perguntas relacionadas

+1 voto
0 respostas
perguntado em 14 de Março de 2015 em Direito Constitucional por Angela BAtista Novato (5 pontos)  
0 votos
1 resposta
perguntado em 12 de Julho de 2013 em Direito Constitucional por Estevan Souza Novato (13 pontos)  
0 votos
1 resposta
perguntado em 2 de Setembro de 2016 em Direito Constitucional por Laura F. Novato (0 pontos)  
0 votos
1 resposta
...