Anúncio publicitário

É defeso a estagiário de Direito despachar com Juiz?

0 votos
perguntado em 24 de julho de 2013 em Processo Civil por Marcelo Justo Nível 6 (1,295 pontos)

Uma resposta

–1 voto
respondida em 24 de julho de 2013 por anônimo
editado em 24 de julho de 2013
Não. O estagiário com ou sem inscrição de estagiário na OAB pode despachar com o juiz sem problema.

O que alguns magistrados fazem as vezes é não dar a mínima para o caso e simplesmente anotar j. concluso o que na prática irá obedecer a mesma ordem dos processos em trâmite no cartório, mas isso também acontece com advogados.

Uma boa dica é... antes de despachar com o juiz ir ao escrevente ou cartorário da Vara em que ele atua e perguntar quem é o juiz (titular ou substituto) e como ele costuma atender, se é cordial ou zangado. Assim você pode planejar a melhor forma de abordar o tema com ele, lembrando sempre de ser claro e objetivo.
comentado em 25 de julho de 2013 por Renan Akamine Nível 9 (2,339 pontos)
Existe alguma norma que garante esse direito ao estagiário nos termos explicados?
comentado em 21 de março de 2016 por João Paulo Araújo Novato (0 pontos)

O art. 35, IV, da LOMAN, versa que:

Art. 35 - São deveres do magistrado:

    [...]

        IV - tratar com urbanidade as partes, os membros do Ministério Público, os advogados, as testemunhas, os funcionários e auxiliares da Justiça, e atender aos que o procurarem, a qualquer momento, quanto se trate de providência que reclame e possibilite solução de urgência.

Assim, se for caso de urgência o juiz deve sim atender ao estagiário ou qualquer outra pessoa que o procurar.

Anúncio publicitário

Isenção de responsabilidade

As respostas e comentários do Pergunte Direito não são aconselhamentos legais, não criam relações advogado-cliente e não são ofertas de serviços jurídicos. A finalidade deste site é restrita a estimular a troca de conhecimentos acadêmicos e de utilidade pública.

Se você ignorar este aviso e fornecer informações confidenciais em mensagens privadas ou públicas, não haverá obrigação de manter a informação sigilosa ou de renunciar a atuação contrária a seus interesses.

Consulte um advogado antes de tomar qualquer ação que possa afetar seus direitos.

Tem uma dúvida?

Faça uma pergunta

Perguntas relacionadas

Anúncio publicitário
...