• Novo cadastro
search
Entrar
Anúncio publicitário

0 votos
Olá.

Estou afastada por 60 dias do trabalho devido uma cirurgia de apendicite.

Ao recorrer ao INSS, após os 15 dias que a empresa acoberta, fui informada que não tenho direito ao auxílio doença devido não ter completado o prazo de carência.

Estou trabalhando apenas há 4 meses com carteira assinada na empresa atualmente, e anteriormente eu não contribuía há mais de 1 ano para o INSS, pois eu era estagiária, o que me fez perder a condição de segurada.

Fui informada que eu teria que ter no mínimo 06 contribuições para poder voltar a ser segurada, e assim ter direito ao auxílio doença, pois somaria meu tempo da última empresa que trabalhei com carteira assinada mais o tempo da empresa atual e assim daria o tempo de carência que o INSS pede (12 meses).

Eu posso adiantar o pagamento dessas 2 contribuições que faltam para completar as 6 e assim conseguir o auxílio doença?
perguntado em Direito Previdenciário Novato 2 pontos
Anúncio publicitário

1 resposta

0 votos
Não é possível antecipar nem mesmo recolher contribuição em atraso para suprir carência.
respondida Nível 6 1.115 pontos 2 10 12
Anúncio publicitário

Isenção de responsabilidade

As respostas e comentários do Pergunte Direito não são aconselhamentos legais, não criam relações advogado-cliente e não são ofertas de serviços jurídicos. A finalidade deste site é restrita a estimular a troca de conhecimentos acadêmicos e de utilidade pública.

Se você ignorar este aviso e fornecer informações confidenciais em mensagens privadas ou públicas, não haverá obrigação de manter a informação sigilosa ou de renunciar a atuação contrária a seus interesses.

Consulte um advogado antes de tomar qualquer ação que possa afetar seus direitos.

Tem uma dúvida?


Faça uma pergunta

Perguntas relacionadas

0 votos
0 respostas
CONVERSÃO DO AUXILIO DOENÇA EM AUXILIO ACIDENTE E O SÃO CONSULTADOS NO MESMO NUMERO DE BENEFICIO?
perguntado em 14 de março de 2017 em Direito Previdenciário Elis regina batista Novato 2 pontos 1 2
0 votos
1 resposta
Auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez? Aguardando sentença, onde perito judicial do JEF apontou incapacidade total e temporária, porém laudo do TJSP, TRT apontam incapacidade total e permanente, e segurado é absolutamente incapaz artigo 1767,1 3,2, será que laudos de outras jurisdições convencerao o juiz a conceder aposentadoria por invalidez?
perguntado em 19 de agosto de 2017 em Direito Previdenciário Francisco Ribeiro Novato 14 pontos 5
1 voto
1 resposta
Trabalho de carteira assinada e já pago o teto do INSS. Presto serviço para uma cooperativa e está sendo descontado 20% do total de INSS, mesmo eu apresentando o meu contra cheque da outra empresa. Juntando os dois descontos ultrapasso muito o limite, é correto? Acreditava que na segunda renda descontasse apenas a diferença se houvesse.
perguntado em 14 de janeiro de 2017 em Direito Previdenciário Daniel garcia Novato 5 pontos 1 2
0 votos
1 resposta
Gostaria de saber se o tempo de estágio remunerado, dois anos pelo CIEE, pode ser considerado para fins de aposentadoria, mesmo sem a empresa ou o CIEE ter depositado FGTS e recolhido INSS?
perguntado em 30 de agosto de 2017 em Direito Previdenciário mario loureiro Novato 0 pontos 1
0 votos
1 resposta
Prazo para INSS implantar benefício as ordens do juizado especial federal conta se a partir da remessa ou a partir da intimação?
perguntado em 25 de setembro de 2017 em Processo Civil Francisco Ribeiro Novato 14 pontos 5
Anúncio publicitário

...