search
Entrar
Anúncio publicitário


Tem uma dúvida?


Faça uma pergunta

0 votos
Devo pagar a fatura de um mês que tive o plano de internet totalmente reduzido?

Atrasei um fatura da minha internet (08/10), 18 dias após o vencimento eles reduziram a velocidade por completo. Fiquei desde o dia 26/10 com minha internet reduzida até então. Hoje resolvi ligar para quitar minha dívida do mês de outubro e eles informaram que teria que pagar a de novembro também; expliquei que tive minha internet reduzida e eles falaram que deveria pagar o mês de novembro mesmo assim (mesmo tendo ficado o mês todo com a internet reduzida).
em Direito do Consumidor 0 pontos
Anúncio publicitário

2 respostas

0 votos

Não é permitido cobrar qualquer valor sobre o período em que o serviço de telecomunicação estava completamente suspenso.

A ANATEL regulamentou a suspensão de serviço na Resolução 632/2014:

Art. 90. Transcorridos 15 (quinze) dias da notificação de existência de débito vencido ou de término do prazo de validade do crédito, o Consumidor pode ter suspenso parcialmente o provimento do serviço.

(...)

Art. 93. Transcorridos 30 (trinta) dias do início da suspensão parcial, o Consumidor poderá ter suspenso totalmente o provimento do serviço.

(...)

Art. 95. É vedada a cobrança de assinatura ou qualquer outro valor referente ao serviço durante o período de suspensão total.

Renan Akamine é fundador do site Pergunte Direito e graduado em Direito pela PUC-SP.
6.594 pontos
Anúncio publicitário

0 votos
A redução da velocidade da internet em razão do inadimplemento do usuário é um direito da operadora, possuindo consentaneo na resolução 632/2014. Portanto, você tera sim de pagar a fatura, uma vez que, conforme mencionado, houve uma redução do fluxo de dados e não a suspensão total do servico. O que voce poderia tentar viabilizar seria o abatimento do valor a ser pago, mas, duvido que, administrativamente, a questão seja solucionada.
9 pontos
Anúncio publicitário

Isenção de responsabilidade

As respostas e comentários do Pergunte Direito não são aconselhamentos legais, não criam relações advogado-cliente e não são ofertas de serviços jurídicos. A finalidade deste site é restrita a estimular a troca de conhecimentos acadêmicos e de utilidade pública.

Se você ignorar este aviso e fornecer informações confidenciais em mensagens privadas ou públicas, não haverá obrigação de manter a informação sigilosa ou de renunciar a atuação contrária a seus interesses.

Consulte um advogado antes de fazer algo que possa afetar seus direitos.


Tem uma dúvida?


Faça uma pergunta

6.685 perguntas

3.510 respostas

1.388 comentários

14.309 usuários

Anúncio publicitário


Perguntas relacionadas

Anúncio publicitário

...