Anúncio publicitário

Empregador pode impedir que empregado trabalhe até gastar seu banco de horas?

0 votos
perguntado em 9 de fevereiro de 2017 em Direito Trabalhista por Lilian Santos Novato (3 pontos)
ao chegar a empresa não me deixaram entrar na sala, fui informada verbalmente que deveria descontar 200 horas até zerar o banco, solicitei o dia de retorno mas não me informaram. Com certeza essas 200 h serão superiores a 30 dias. a empresa podera alegar abandono de emprego?? Mando uma carta com aviso de recebimento ou telegrama informando a minha disponibilidade bem como solicitando a data de retorno??

Uma resposta

0 votos
respondida em 13 de fevereiro de 2017 por João Paulo 1 Nível 5 (868 pontos)
Uma ligação telefônica gravada é mais interessante que telegramas. Há vários aplicativos para celular que gravam conversas. Ligue para a empresa, peça para falar com seu superior, pergunte sobre sua data de retorno,se é para ficar mesmo mais de um mês sem trabalhar, etc.

Na linha da jurisprudência de nossos Tribunais, é permitido gravarmos nossas próprias, ainda que sem o conhecimento do outro interlocutor.
comentado em 13 de fevereiro de 2017 por Lilian Santos Novato (3 pontos)
Dr João Paulo, e uma (...)

[comentário convertido em pergunta www.perguntedireito.com.br/8910]
comentado em 13 de fevereiro de 2017 por João Paulo 1 Nível 5 (868 pontos)
Oi, Lilian! O whatsapp também (...)

[comentário convertido em resposta www.perguntedireito.com.br/8910]
comentado em 13 de fevereiro de 2017 por Renan Akamine Nível 9 (2,339 pontos)
Boa noite! A pergunta e a resposta publicadas como comentários foram devidamente convertidas. Por favor, evite publicar mais de uma pergunta na mesma página, pois isso prejudica a organização do site e dificulta a pesquisa pelos demais membros.
Anúncio publicitário

Isenção de responsabilidade

As respostas e comentários do Pergunte Direito não são aconselhamentos legais, não criam relações advogado-cliente e não são ofertas de serviços jurídicos. A finalidade deste site é restrita a estimular a troca de conhecimentos acadêmicos e de utilidade pública.

Se você ignorar este aviso e fornecer informações confidenciais em mensagens privadas ou públicas, não haverá obrigação de manter a informação sigilosa ou de renunciar a atuação contrária a seus interesses.

Consulte um advogado antes de tomar qualquer ação que possa afetar seus direitos.

Tem uma dúvida?

Faça uma pergunta
Anúncio publicitário
...