• Novo cadastro
search
Entrar
Anúncio publicitário

Perguntas recentes com o assunto previdenciário

0 votos
1 resposta
Prazo para INSS implantar benefício as ordens do juizado especial federal conta se a partir da remessa ou a partir da intimação?
perguntado em 25 de setembro de 2017 em Processo Civil Francisco Ribeiro Novato 14 pontos 5
0 votos
1 resposta
O que acontecerá com a parte da pensão dá minha irmã quando ela fizer 21? A pensão que eu e minha irmã recebemos é desmembrada, mas logo ela fará 21 e não irá mais receber a parte dela. Gostaria de saber o que vai acontecer? Eu receberei o valor total dá pensão até completar 21, ou continuarei com a metade do valor? E caso for receber o valor total, preciso ir ao INSS, ou a mudança é automática?
perguntado em 14 de março de 2017 em Direito Previdenciário Maria Eduarda Santos Novato 3 pontos 1 1
0 votos
0 respostas
Numa ação previdenciária que requer aposentadoria especial, é possível reapresentar prova documental? Pois a primeira carecia de assinatura válida, segundo dito na contestação.
perguntado em 4 de fevereiro de 2017 em Processo Civil Roberto Pereira Novato 0 pontos 1 1
1 voto
1 resposta
Trabalho de carteira assinada e já pago o teto do INSS. Presto serviço para uma cooperativa e está sendo descontado 20% do total de INSS, mesmo eu apresentando o meu contra cheque da outra empresa. Juntando os dois descontos ultrapasso muito o limite, é correto? Acreditava que na segunda renda descontasse apenas a diferença se houvesse.
perguntado em 14 de janeiro de 2017 em Direito Previdenciário Daniel garcia Novato 5 pontos 1 2
0 votos
0 respostas
Boa tarde,recebi aux. doença por 7 anos, hoje estou a 10 anos com aposentadoria por invalidez ( total 17 anos ), tenho 50 anos, meu processo transito em jugado baixado definitivamente e arquivado estou em tratamento devido a 2 cirurgias para retirar de um ... controlados, Com este pente fino que o INSS posso ser cortado, infelizmente os peritos não fazem correto as pericias aguardo uma resposta?
perguntado em 6 de janeiro de 2017 em Direito Previdenciário Ademar Batista Filho Novato 0 pontos 1 3
1 voto
0 respostas
Boa Noiter, Ficaria muito agradecida se pudesse me ajudar! Fiz 55 anos em outubro de 2016. Foi no INSS para começar meu processo de aposentadoria. Comecei a trabalhar com carteira assinada em 01/10/1986 até 31/08/1989, depois em outra escola de 02/03/1987 até 31/03/ ... 01/09/2011 a 06/11/2014. Como posso fazer isso? Um contador pode emitir as guias para o pagamento? Elas serão aceitas pelo INSS?
perguntado em 15 de dezembro de 2016 em Direito Previdenciário Volia Machado Novato 5 pontos 1 2
0 votos
0 respostas
SOU SERVIDOR DO ESTADO DO RN APOSENTADO (SUPERVISOR) HOJE COM A NOMECLATURA DE ESPECIALISTA . TAMBÉM SOU SERVIDOR DA PREFEITURA DE NATAL TAMBÉM APOSENTADO (PROFESSOR). EM CASO DE MINHA MORTE MINHA ESPOSA TERÁ DIREITO AS 2 PENSÕES? ME PARECE QUE SOU GERIDO PELO RPPS NOS DOIS VÍNCULOS. AGRADEÇO...
perguntado em 28 de setembro de 2016 em Direito Previdenciário lucio miranda silva Novato 0 pontos 1 2
1 voto
0 respostas
Meu pai foi demitido e foi constatado alguns problemas de saude associado ao serviço que ele exercia, o processo durou dez anos e ele ganhou a causa, senso assim ele conseguiu voltar a trabalhar na mesma empresa. Minha pergunta é se o tempo que ele ficou ... aposentadoria ou não, pois ele foi ao órgão responsavel solicitar quanto tempo ele tinha e não constava o tempo parado Desde já obrigada
perguntado em 27 de agosto de 2016 em Direito Previdenciário Natalia jamarino Novato 5 pontos 1 1 1
0 votos
0 respostas
Minha tia conviveu em união estável com o seu parceiro (que veio a óbito a alguns dias) por mais de vinte(20) anos e obtiveram uma filha em comum que já é de maior. No entanto, o falecido não era separado da sua antiga mulher com quem era casado civilmente e com quem também teve filhos. Após a sua morte, a pensão que ele recebia tem que ser dividida entre as duas mulheres, ou não?
perguntado em 18 de julho de 2016 em Direito Previdenciário Lucas Marins Filho Novato 0 pontos 1 1 2
1 voto
0 respostas
independente do regime de bens escolhido,todos os regime tem direito a pensao por morte?
perguntado em 1 de julho de 2016 em Direito Previdenciário monica da silva Novato 5 pontos 1 1 1
0 votos
1 resposta
Existe um processo de execução contra a Fazenda Pública visando à concessão do benefício de pensão por morte. Contudo, depois de expedido o precatório (porém ainda não pago), outra filha do falecido solicitou a habilitação no processo o que foi deferido pelo ... A concordância houve, ocorre que o mesmo advogado representa as duas partes? Alguém sabe me dizer se esse procedimento está correto?
perguntado em 22 de junho de 2016 em Direito Previdenciário Marcos Szczepanik Nível 2 240 pontos 2 4 6
1 voto
0 respostas
Nobres colegas, Seria possível o acúmulo de duas aposentadorias, sendo uma delas no Brasil e outra em Portugal? Ocorre que um cliente recebeu uma carta em Portugal que nao seria possível. Desde já agradeço pela ajuda.
perguntado em 10 de junho de 2016 em Direito Previdenciário Charles Cidade Novato 5 pontos 1 1 2
0 votos
1 resposta
Minha mãe completa 55 anos em setembro deste ano, tem uns 35 anos de trabalho, logo em setembro ela vai atingir todos os requisitos para aposentadoria voluntária, vai ter atingido a idade e o tempo de serviço (vai ter atingido os 85 pontos digamos). Pode ela encaminhar a ... negar a essa situação? E o mais importante, como fica a questão dos 40%? Me salvem hehe Fico no aguardo. Obrigada desde já.
perguntado em 14 de abril de 2016 em Direito Previdenciário Fernanda C. B. Novato 0 pontos 1 1 1
0 votos
1 resposta
Deixei meu trabalho para cuidar, por 20 anos, da minha irma com lupus. Ela faleceu. Posso pedir pensão por morte?
perguntado em 5 de março de 2016 em Direito Previdenciário ANA PAULA BARCELOS Novato 0 pontos 1 1 1
0 votos
0 respostas
Um titular(falecido) pensionista do INSS, recebe um crédito de uma ação coletiva proposta pelo MPF,quem recebe? Um titular(falecido) de um benefício no INSS, recebe um crédito previdenciário de uma ação coletiva proposta pelo MPF, sua cônjuge viva e ela dependente ... pensão por morte, é ela que recebera este credito? Ela precisa de um documento espefífico para rececer (não existe inventário)?
perguntado em 17 de fevereiro de 2016 em Direito Previdenciário MaiconFreitas Novato 0 pontos 1 1 2
0 votos
0 respostas
Por sentença judicial declarou-se a incapacidade laborativa permanente de determinada pessoa. Há anos o benefício vem sendo recebido sem maiores problemas. Caso essa pessoa seja eleita vereadora, poderá o benefício sem cancelado? Haverá apenas suspensão temporária? O motivo da invalidez foi bipolaridade.
perguntado em 7 de janeiro de 2016 em Direito Previdenciário Franco Novato 0 pontos 1 1 2
0 votos
0 respostas
Boa, tarde! Trabalhava com dois vínculos com a carteira assinada e contribuindo junto ao INSS pelos dois ao mesmo tempo, precisei me afastar de um desses vínculos, por conta de problemas de saúde relacionado a movimentos repetitivos e etc. Foi detectado então a ... pela qual me afastei, uma vez que só me afastei por uma empresa enquanto continuava trabalhando na outra e contribuindo por ela?
perguntado em 7 de janeiro de 2016 em Direito Previdenciário Clodoaldo B de Jesus Novato 0 pontos 1 1 2
0 votos
0 respostas
O Periodo de auxilio doença, anterior a nova legislação, conta como tempo para aposentadoria por tempo de contribuição?
perguntado em 18 de dezembro de 2015 em Direito Previdenciário Julio C D Martins Novato 0 pontos 1 1 2
0 votos
0 respostas
perguntado em 23 de novembro de 2015 em Direito Previdenciário Patrícia Antongini Novato 0 pontos 1 1 1
Anúncio publicitário
...